Veja as tendências de Remuneração Variável para empresas de capital aberto

Por Julia Campos
Warning: Undefined variable $post in /srv/pris.com.br/www/painelpris/wp-content/plugins/code-snippets/php/snippet-ops.php(582) : eval()'d code on line 32Warning: Attempt to read property "ID" on null in /srv/pris.com.br/www/painelpris/wp-content/plugins/code-snippets/php/snippet-ops.php(582) : eval()'d code on line 32 5 minutos de leitura
remuneração-variável

A Remuneração Variável tem ganhado cada vez mais espaço em empresas no Brasil e já está muito bem adaptada em países da América do Norte e Europa. Conforme a RV se desenvolve nacionalmente, tendências externas começam a ser implementadas e, aos poucos, também conquistam destaque no cenário brasileiro.

Neste artigo, você conhecerá algumas das principais tendências de Remuneração Variável, com foco em empresas de capital aberto. Ao tomar conhecimento destas informações, você poderá se aprofundar no assunto e analisar quais destas medidas fazem sentido para sua empresa. Boa leitura!

Veja algumas tendências de Remuneração Variável para empresas de capital aberto

A seguir, você verá algumas das principais tendências de Remuneração Variável voltadas para empresas de capital aberto. É bom ressaltar que tendências e novidades são atualizadas constantemente. Por isso, o ideal é sempre acompanhar conteúdos como este.

Diversificação de incentivos

Enquanto parte das empresas adota um Incentivo de Longo Prazo ou um Incentivo de Curto Prazo, há uma tendência de diversificação dos incentivos. Isso significa que as companhias ofertam uma variedade maior de programas.

A combinação de um ICP e um ILP, por exemplo, é um poderoso auxílio para atingir o objetivo de ambas as categorias de Remuneração Variável — a retenção e a atração de talentos.

Juntos, os programas se tornam uma remuneração executiva, que se destaca no mercado de trabalho e que pode auxiliar na atração de profissionais gabaritados e na retenção de colaboradores e colaboradoras que apresentam fit cultural e performance impactante.

ILP atrelado a metas ESG

A pauta ESG, sigla usada para se referir a Enviromental (Ambiente), Social (Social) and Governance (Governança), tem sido amplamente trabalhada em empresas do mundo inteiro.

É importante que a Remuneração Variável de companhias com projetos ESG esteja, de alguma forma, conectada ao conjunto de políticas e boas práticas sustentáveis adotadas.

Por isso, a tendência de ligar o recebimento do incentivo à metas ESG tem ganhado cada vez mais espaço, inclusive no Brasil.

Remuneração Variável para membros do Conselho de Administração

Por pressão de acionistas e pela necessidade de alinhar interesses do negócio aos de membros do Conselho de Administração, empresas têm ofertado planos de Remuneração Variável para conselheiros administrativos. Os incentivos oferecidos variam de acordo com o setor, porte e cultura das empresas.

Ainda não há uma padronização para este tipo de remuneração para membros do Conselho de Administração. Por isso, cada empresa é responsável por desenhar as normas de adesão ao plano. 

No entanto, por ser uma forma distinta de remuneração, comitês de diferentes setores da companhia precisam estar envolvidos desde o início do projeto para que as decisões tomadas sejam justas e equilibradas, de forma a atender o interesse de ambas as partes.

Investimento em transparência de informações e segurança de dados

A transparência das informações dos planos de Remuneração Variável é fator imprescindível para gerar confiança para com a empresa e com o programa de incentivo, tanto da parte de investidores quanto da parte das pessoas beneficiárias.

Além disso, proteger os dados de colaboradores e colaboradoras participantes do plano e da própria empresa também deve ser uma prioridade. 

Para atender essas tendências que, na verdade, já soam quase como demandas do mercado, um software como o da Pris é uma excelente ferramenta, já que permite fácil acesso dos stakeholders aos dados do incentivo e reforça a segurança das informações.

Assista discussões sobre o futuro da Remuneração Variável

Acompanhar as tendências de RV é importante para otimizar os resultados obtidos pelo plano adotado pela sua empresa. Estar inserido nas discussões sobre as pautas em debate também ajuda a tornar a compreensão sobre ICP e ILP mais aprofundadas e, consequentemente, mais efetivas para o negócio.

A Pris trabalha para que a Remuneração Variável seja um tema sempre em destaque e que esteja sempre sendo debatido, de forma a reunir diversas opiniões, pontos de vista e experiências.

Por isso, em agosto, a Pris, em parceria com o BTG Pactual, realizou o Pris Day, evento que discutiu a Remuneração Variável em alto nível.

Durante todo o evento, alguns dos especialistas mais reconhecidos do país falaram, inclusive, sobre o futuro da Remuneração Variável e tendências interessantes para o mercado nacional.

Assista o Pris Day na íntegra e veja debates importantes, relevantes e interessantes para o conhecimento de quem está inserido no universo da Remuneração Variável.

Saiba mais sobre o assunto!

Neste artigo, você conferiu algumas das principais tendências de Remuneração Variável, que já estão sendo praticadas por empresas, inclusive no Brasil. Além disso, você pôde conhecer um pouco mais sobre o Pris Day, evento que discutiu, entre outros assuntos, o futuro da Remuneração Variável.

A Pris é especialista em Remuneração Variável e pode ajudar sua empresa a adotar as tendências que mais tenham sentido com os objetivos do negócio. Entre em contato conosco para saber mais! Acompanhe também a Carreira Muller, especialista em consultorias para elaboração de planos de cargos e salários, trilhas de carreira e descrições de cargos.

Sobre o Autor
Julia Campos é analista de Marketing de Conteúdo da Pris. Cursa MBA em Gestão de Pessoas pela USP/Esalq e é bacharel em Jornalismo e Publicidade e Propaganda pela UniAcademia. Tem experiência em marketing, produção jornalística, de conteúdo e assessoria de imprensa. Atua como produtora de conteúdo de temas como Remuneração Variável.

Artigos Relacionados

5 passos para fazer a gestão de remuneração em uma empresa

Realizar uma boa gestão de remuneração é fundamental para o sucesso do plano de Incentivo de Longo Prazo. No entanto,...

Entenda por que é importante fazer a gestão de incentivos

A adoção de um Incentivo de Longo Prazo é um passo muito importante para a empresa. O ILP ajuda a...

Uso de tecnologia no RH: Como funciona um software de gestão de ILP

0O uso de tecnologia no RH é amplo e impacta não só a rotina da área, mas de uma empresa...

homeenvelopephone-handset