O que é cap table: a chave para o crescimento de sua startup

Por Julia Campos
6 minutos de leitura

Manter uma empresa organizada contribui, e muito, para seu sucesso. Conforme o negócio cresce, as documentações, processos e o próprio valor da companhia devem estar atualizados para basear decisões importantes. A Cap Table ajuda os novos negócios nesse sentido.

Adiante, você poderá entender o que é Cap Table, qual é sua relevância dentro de startups e novas empresas e também vai entender como manter essa iniciativa saudável. Boa leitura!

O que é Cap Table?

Cap Table é uma abreviação para o termo em inglês capitalization table, que na tradução literal significa tabela de capitalização. Em suma, é um documento que contém uma descrição robusta de todas as pessoas investidoras do negócio, da porcentagem da empresa cada componente tem direito, também conhecido como equity, além da diluição da propriedade ao longo do tempo.

Na fundação de uma organização, o número de sócios e sócias pode ser pequeno, mas conforme o negócio vai escalando e ganhando investidores, essa divisão pode se tornar complexa e tende a ser mais difícil de ser mapeada. 

As informações contidas na capitalization table servem, principalmente, para que não haja, no futuro da empresa, um desentendimento a respeito do que cada acionista tem direito e suas respectivas participações no negócio, principalmente quando o retorno financeiro acontece.  Por isso é tão importante conhecer e utilizar a ferramenta.

O recurso é amplamente utilizado por startups, que costumam passar por várias rodadas de investimento, mas pode ser usado por todos os tipos de empresas.

Geralmente, na Cap Table constam dados como o capital acionário, investidores e o preço das ações ou valor da companhia. No documento, que deve ser bem completo, podem constar ainda informações como:

  • fontes de possíveis investimentos futuros;
  • ofertas públicas;
  • cenário de fusões e aquisições;
  • outras situações hipotéticas.

Por que é importante ter uma Cap Table?

Como você já leu, a Cap Table é importante para o futuro de uma startup ou de uma empresa recém-criada para que, após os aportes e/ou crescimento, informações sobre o patrimônio do negócio e o equity estejam claras e bem definidas.

A seguir, você vai ver como a ferramenta é importante para outros fatores.

Manter as informações organizadas

A organização de informações dentro de uma empresa é fator determinante para diversas operações. É preciso que os dados estejam organizados e sinalizados para que as equipes possam acessá-los e trabalhar sincronizadamente, além de demandar menos as pessoas que estariam centralizando essas informações.

Além disso, é importante para consultas diversas, prestações de contas e para balizar decisões, como veremos logo mais.

A Cap Table, nesse caso, é uma forma de organizar de forma clara a capitalização financeira do negócio e, muitas vezes, é um dos primeiros tópicos a serem desenvolvidos em empresas que estão começando. Isso mostra o grau de importância da estruturação dessas informações.

Aumentar a confiança de futuros sócios e sócias ou investidores

Ter uma capitalization table bem consolidada é fator imprescindível para atrair novos sócios e sócias ou investidores. Isso porque, como toda a divisão societária está bem descrita, não dá margem para, quando houver um retorno, posicionamentos que causem conflitos de interesse.

Além dos fatores citados acima, o documento é válido para que os investidores e analistas financeiros avaliem a diluição da propriedade, emissões de títulos e viabilidade de oferecimento de opções de ações para colaboradores, como no caso do plano de Stock Options.

Avaliar impacto de decisões importantes

A Cap Table também é um instrumento importante ao avaliar cenários hipotéticos. Um exemplo — se os acionistas precisam decidir se é vantajoso a entrada de um novo investidor, conseguem informações no documento para mapear como ficaria a distribuição da empresa após o aporte e qual seria o ganho para cada um dos sócios ou sócias.

Portanto, além de organizar informações primordiais da empresa e enfatizar a transparência do negócio, a Cap Table também se mostra uma ferramenta que ajuda a analisar a saúde financeira e as possibilidades do negócio conforme oportunidades de crescimento aconteçam. O mesmo para caso a empresa precise ser encerrada. Há o mapeamento de como ficaria o equity, ou seja,  quanto, após a liquidação, cada sócio e sócia teriam direito.

Como manter uma Cap Table saudável?

Gerenciar a capitalization table deve ser uma função primordial dentro da empresa, já que, conforme vimos anteriormente, este é um documento que embasa decisões e demonstra a transparência do negócio. Para manter a Cap Table da sua startup saudável, você deve:

  • manter o documento atualizado a cada rodada de investimento e/ou a cada entrada de novo sócio ou sócia;
  • consultar especialistas, como advogados, contadores e administradores, quando necessário;
  • acompanhar a diluição da empresa para avaliar se as métricas anteriormente estabelecidas estão satisfatórias.

Conclusão

Nesse artigo, você pôde entender o que é Cap Table e a importância de estruturá-la logo no início de um novo negócio. Também viu que o objetivo do documento é evitar desentendimentos a respeito do equity — a participação de cada acionista e o quanto cada um tem direito em uma empresa. 

O artigo também informou sobre como priorizar a ferramenta é importante para a transparência do negócio, organização da empresa e como se torna base para a tomada de decisões importantes. Além disso, você viu como manter a Cap Table da sua startup ou novo negócio saudável.

Se você gosta de conteúdos sobre empreendedorismo e negócios, como esse que acabou de ler, nos siga nas redes sociais e receba atualizações! Estamos no LinkedIn, Facebook, Instagram e YouTube

Sobre o Autor
Julia Campos é analista de Marketing de Conteúdo da Pris. Cursa MBA em Gestão de Pessoas pela USP/Esalq e é bacharel em Jornalismo e Publicidade e Propaganda pela UniAcademia. Tem experiência em marketing, produção jornalística, de conteúdo e assessoria de imprensa. Atua como produtora de conteúdo de temas como Remuneração Variável.

Artigos Relacionados

Saiba como adotar um plano de Stock Options

O plano de Stock Options é um dos Incentivos de Longo Prazo mais procurados pelas empresas. Isso se deve, principalmente,...

Como um ILP se encaixa em diferentes cenários de crescimento da empresa?

Planos de Incentivos de Longo Prazo (ILP) oferecem uma ampla gama de benefícios para beneficiários e empresas. Porém, há uma...

Conheça os objetivos de cada estratégia de incentivo

Todos os modelos de Incentivos de Longo Prazo oferecem benefícios para pessoas beneficiárias e empresas. No entanto, cada estratégia de...

homeenvelopephone-handset