Aqui você encontra todas as nossas publicações


Janeiro Branco: Meditação Transcendental na Pris

O chamado Janeiro Branco é um mês dedicado à saúde mental de brasileiros e brasileiras. Seguindo o sucesso de campanhas como Outubro Rosa, o Janeiro Branco busca promover a consciência coletiva acerca da importância da saúde mental e conduzir pessoas e instituições a um viver mais harmônico e saudável.

Já falamos sobre a técnica da Meditação Transcendental, adotada oficialmente pela Pris, em um post anterior. A professora Eliana Homenco apresentou a MT e quais benefícios ela gera junto aos seus praticantes.

Para explicar melhor sobre esses impactos e sobre como a meditação tem ajudado a empresa a melhorar o bem estar de seus funcionários, além dos próprios resultados da empresa, conversamos com Daniel Elói, sócio-fundador da Pris, e que tem a responsabilidade interna de apoiar colaboradores novos e antigos na prática da técnica.

Entrevista com Daniel Elói

Pris) Daniel, quando e como a Pris adotou a Meditação Transcendental como benefício aos seus colaboradores?

Daniel) Praticamos a meditação na Pris desde o início da empresa. É algo bem enraizado em nossa cultura. O fato de eu ter tido a oportunidade de aprender a técnica bem no início da Pris, 10 anos atrás, e durante a realização de meu mestrado me ajudou muito, pessoalmente, a conciliar as duas atividades, porque, querendo ou não, a meditação lhe oferece uma energia extra. Os 20 minutos que você dedica para meditar lhe deixam muito renovado.

Eu fico até triste ao ouvir quando alguém comenta que não meditou porque “não estava com tempo”. Na verdade, nesse aspecto específico, é importante lembrarmos que não somos produtivos o tempo todo, e você dedicar tempo ao trabalho com a mente cansada e sem clareza é muito negativo. A pausa para a meditação ajuda a mente a ficar descansada e gera clareza mental, te tornando mais apto a executar atividades com qualidade, velocidade e produtividade. Na máxima do “tempo ser nosso bem mais precioso”, com a meditação nós ganhamos esse tempo: ela serve como uma forma de usufruir mais e melhor de seu tempo. A impressão que meditar é um gasto de tempo desaparece, pois você está se preparando para ser mais produtivo e agir melhor.

Esse é um dos primeiros benefícios e foi o que mais me interessou naquele momento de criação da Pris, cheio de atividades e atribulações, além da tensão em virtude do mestrado concomitante. Por essas questões achei relevante trazer essa técnica para a empresa, e com nosso benefício e apoio, pois a Pris paga uma parte significativa dos valores do curso de aprendizado da técnica.

Acredito que quase todo mundo da empresa percebe as vantagens, e o fato de termos muitos meditantes gera apoio constante à meditação, o que é muito saudável: um leva o outro para a meditação, tornando a prática ainda mais frequente e regular.

Pris) Aproveitando o mês do janeiro branco, focado na saúde mental, quais outros benefícios podem ser observados junto aos praticantes da MT?

Daniel) Fora a questão da produtividade, é muito clara a relação entre a meditação e a redução do stress e da preocupação. Muitas vezes algo que me incomoda, como uma dificuldade interna, com algum cliente, ou um desafio financeiro ou administrativo, se torna menor e menos relevante depois de uma sessão de meditação. Isso impede que eu fique com a cabeça preocupada e tensa. A meditação, portanto, ajuda a relativizar as coisas, deixando cada coisa do tamanho que ela efetivamente é. Isso diminui o nível de stress.

Às vezes tenho várias pequenas coisas na cabeça, e após a meditação elas são processadas, deixando de incomodar. É comum também que surjam ideias que solucionam problemas e dificuldades. Já houve até muitas situações de conversas e reuniões de temas complexos e difíceis, e sendo meditantes, meditamos antes de discutir e o debate fluiu de forma facilitada e sem a tensão esperada.

Esse benefício é cada vez mais claro na empresa, de sofrer menos com desafios e reduzir stress.

Há outros benefícios particulares, mais privados, como ampliação do nível de empatia, redução das preocupações e desejos materiais, aumento da atenção à temáticas espirituais, etc. Mas isso realmente tem a ver com a predisposição pessoal a tais assuntos, com as experiências de cada indivíduo.

Pris) Esses benefícios pessoais, de redução dos níveis de stress, ampliação da empatia, etc, se converteram em algum benefício para a empresa?

Daniel) Sim, com certeza. Há um terceiro elemento interessante gerado pela prática da MT, e tem a ver com o turnover e a equipe de colaboradores.

Sinto que houve uma incrível melhoria no clima da empresa nos últimos anos, com a ampliação do número de meditantes da Pris. Hoje mais da metade da equipe é meditante regular, e os novos colaboradores e colaboradoras já manifestaram interesse em fazer o curso. No total, temos mais meditantes que não-meditantes na empresa.

A meditação parece ajudar a Pris a manter aqueles que deveriam ficar na empresa. É normal, por exemplo, que colaboradores que não estão satisfeitos na empresa, ou que causam alguma dificuldade interna, não sejam meditantes. Por outro lado, permanecem mais tempo na Pris aqueles que praticam a meditação e compartilham essa experiência. Nas medições que realizamos regularmente, o turnover de não-meditantes é significativamente maior que o de meditantes. Isso revela o benefício da meditação, de redução de ansiedades e ampliação da capacidade de adaptação aos problemas.

Campanha do Janeiro Branco

Não deixe de acompanhar os próximos textos de nossa campanha sobre o janeiro branco, que apresentarão outras atividades e programas da Pris em prol da saúde mental de seus colaboradores. Siga-nos em nosso blog ou nas redes sociais!

Sobre o Autor

Leandro Rangel é analista de marketing da Pris. Mestre em Direito Internacional e graduado em Relações Internacionais pela PUCMinas, possui expertise nas áreas de docência e design instrucional, além de comunicação e inbound marketing. Atua na produção de conteúdo voltado ao marketing em temas como propriedade intelectual, remuneração e incentivos de curto e longo prazo.



Gostaria de um tema específico?

Gosta de escrever?